23.9.19

é melhor deixares de levar o telemóvel para o wc

Longe vão os tempos em que as idas à casa-de-banho eram acompanhadas pelos jornais e revistas da nossa preferência. Agora, não vivemos sem os smartphones, que andam connosco para todo o lado. Até nas idas ao wc. Até porque há Candy Crush para jogar, redes sociais para actualizar e até os jornais ou revistas podem ser lidos online. Ainda assim, é um erro levar o smartphone para a casa-de-banho. E quem o defende são os especialistas.

Se pensarmos bem no assunto, existem motivos óbvios para o fazer. E estou a falar da contaminação por germes e bactérias. Por mais que laves as mãos, irás voltar a mexer no telemóvel e colocar o mesmo perto do rosto quando fores fazer uma chamada. Aqui estamos a falar de saúde. Existe depois um outro risco... monetário. Que passa por deixar cair o aparelho na sanita. E isto é algo que já nos aconteceu ou é a história de alguém que conhecemos. Mas há mais...

As idas ao wc são vistas como os (quase) únicos momentos de distracção diários. E aqui entra a discussão do papel do smartphone neste momentos. Ou seja, graças aos mesmos, acaba por não haver um afastamento do mundo virtual que pauta os nossos dias. "Acostumamo-nos à interactividade mesmo nos horários livres: associamos a prática de 'fazer nada' com actividades como ver séries, jogar computador, verificar as redes sociais e, é claro, mexer no telemóvel. Mas se estamos a realizar algumas dessas coisas não estamos exactamente a fazer nada, certo?", questiona a psicóloga norte-americana Jorja Moore, em declarações à Time. "O cérebro está a receber estímulos e informação dos dispositivos. Então não podemos dizer que estamos a fazer nada. Como podes saber o que realmente passa pela tua mente se a cabeça não tiver essas chances de não receber nenhum estímulo ou informação?", acrescenta.

Jorje Moore defende que é essencial ter alguns minutos em que estamos desligados de tudo. "Se não podes dar-te ao luxo de fazer isso a qualquer momento, então sugerimos que seja na inevitável hora de pausar o que estiveres a fazer para ir ao wc. Além dos riscos de contaminação e doenças, existe a possibilidade de perder o aparelho para um 'mergulho mortal', e sobretudo a oportunidade desperdiçada de finalmente teres um tempo para ti", conclui.

Sem comentários:

Publicar um comentário