15.5.21

audemars piguet e marvel criam relógio de luxo inspirado em black panther

Audemars Piguet e a Marvel criaram uma parceria da qual nasce um relógio que os fãs de super-heróis vão querer ter no pulso. O Royal Oak Concept ‘Black Panther’ Flying Tourbillon é uma criação de luxo que vai buscar inspiração ao super-herói da Marvel. E este modelo de edição limitada é apenas o primeiro que nasce desta união de esforços. 

 

Ao todo foram criados apenas 250 relógios que se destacam pela complexidade e design pensado ao pormenor. E como ponto de partida é impossível não reparar na escultura da Black Panther que se destaca no mostrador do modelo. Esta foi esculpida a laser e pintada à mão a ouro branco. Como seria de esperar, realce ainda para as cores preto e roxo, aquelas que são a imagem de marca do super-herói da Marvel. 

 

Cada relógio custa mais de 135 mil euros 

 

O modelo foi construído com titânio, tem uma caixa de 42 milímetros e é à prova de água até uma profundidade de 50 metros. Só falta mesmo falar do preço, que está apenas ao alcance de super-carteiras. É que cada um dos relógios será vendido por um valor superior a 135 mil euros. 


tom cruise revela detalhes sobre a cena mais radical de missão: impossível 7

Tal como aconteceu com muitos outros filmes, também Missão: Impossível 7 viu a produção adiada devido à pandemia de coronavírus. Além disso, especulou-se sobre muitas polémicas que têm Tom Cruise como protagonista. Ainda em filmagens e com estreia prevista para Maio de 2022, o actor revela alguns detalhes sobre aquela que é vista como a cena mais radical da longa-metragem.  

Foi em entrevista ao The Graham Norton Show que Tom Cruise, que é conhecido por dispensar o uso de duplos em cenas mais arriscadas, falou sobre o momento em que saltou de uma rampa gigante em cima de uma mota acabando num penhasco. “Fiz esta cena em particular oito vezes. Fiz seis num dia e duas noutro e passámos um bom ano a preparar essa coisa e a descobrir”, diz entre risos. “Queria fazer isso desde criança”, acrescenta. A cena em questão foi rodada na Noruega e todos ficaram impressionados com a dimensão da rampa assim que surgiram as primeiras imagens da mesma. 

 

“Queria fazer isto desde criança” 

 

Apesar de ser um actor experiente e de analisar tudo ao detalhe, Tom Cruise não esconde que ficou ansioso com a manobra. “A primeira vez que fiz isso foi muito stressante. Não sabíamos o que iria acontecer. Não importa o quanto treines ou o que faças, existem muitas coisas que foram desafiantes. É emocionante tentar fazer isso”, explica. Durante a entrevista, Tom Cruise revelou ainda aquilo que o realizador Christopher McQuarrie teve que fazer durante a filmagem de várias cenas de acção. “Quando estava a pilotar o helicóptero em Missão: Impossível - Fallout, estávamos a fazer exercícios no ar e ele estava tipo: ‘Tom... estás a rir, para de rir’”, conclui.

descobre quantos copos de vinho deverás beber por semana para evitares ser operado às cataratas

Por norma, estamos habituados a notícias que nos alertam para os perigos que o consumo excessivo de bebidas alcoólicas tem para a saúde. E antes de avançar para aquilo de que quero falar, alerto que o consumo deverá ser sempre moderado. Ainda assim, existem estudos que parecem dar alento a quem é fã de vinho. Como é o caso do que se segue.  

De acordo com a pesquisa, consumir bebidas alcoólicas como moderação é algo que reduz o risco de vires a necessitar de uma cirurgia às cataratas. A redução chega mesmo a um quarto. Sendo que a bebida mais eficaz é vinho. Cinco ou seis copos por semana, reduzem a necessidade da cirurgia em 23%. Não existe uma explicação precisa, mas a equipa de investigadores acredita que tudo se deve aos antioxidantes polifenóis. Estes abundam nos vinhos tintos e podem ter uma função protectora. 

 

Consumo de cerveja e bebidas destiladas não tem o mesmo efeito 

 

O trabalho foi realizado pelo Moorfields Eye Hospital NHS Foundation e também pelo Instituto de Oftamologia da University College London, em Londres. Realce para o facto de que estes resultados não se aplicam a cerveja ou bebidas destiladas. “As nossas descobertas sugerem um risco menor de ser submetido à cirurgia de catarata com um consumo de álcool baixo a moderado”, salienta um dos investigadores, em declarações ao Daily Star.