18.4.21

6 polémicas que marcam a carreira de diego costa, avançado que pode estar de volta ao futebol português

Diego Costa é rapidamente associado a clubes como Chelsea e Atlético de Madrid. O que faz com que muitos não se recordem de que a entrada do avançado hispano-brasileiro na Europa foi feita através de Portugal. Estávamos no início de 2006 quando o então jovem avançado trocava o Barcelona Esporte Clube, do Rio de Janeiro, pelo Braga. Que emprestou o jogador ao Penafiel antes de o vender, em Janeiro de 2007, ao Atlético de Madrid por uma verba de 1,5 milhões de euros. 

 

Por cá, Diego Costa participou em 7 jogos da primeira divisão. Foram 411 minutos com a camisola dos arsenalistas, tendo feito uma assistência. Em Penafiel as coisas foram diferentes. Foram 13 jogos e 5 golos no segundo escalão do futebol português. A título de curiosidade, Diego Costa foi admoestado com o cartão amarelo em 9 ocasiões no Penafiel e 2 no Braga.  

 

Diego Costa chegou ao Braga em 2006 

 

Agora, aos 32 anos, o internacional espanhol pode estar de volta a Portugal. Com a imprensa internacional a garantir a existência de um pré-acordo com o Benfica. Numa altura em que os adeptos encarnados temem uma nova novela Cavani, recordo aquelas que são as maiores polémicas da carreira de Diego Costa. Até porque o temível avançado é também reconhecido pelo feitio especial. 

 

1 - Duelos com Sergio Ramos... 

Os anos passados em Espanha ficaram marcados pelos confrontos entre Diego Costa e Sergio Ramos nos escaldantes jogos entre Atlético de Madrid e Real Madrid. Em 2012/13 o avançado tentou morder o dedo do defesa. Num outro lance, cuspiu na própria luva e atirou ao adversário. 

 

2 - … e com Pepe e Arbeloa 

Volto a falar do dérbi de Madrid. É que Pepe (que poderá reencontrar em Portugal) e Arbeloa também protagonizaram momentos quentes com Diego Costa. Ainda assim, aqui, o avançado é a “vítima”. Pepe assoou-se na direcção do avançado e Arbeloa deu um pisão no adversário.  

 

3 - Cuspidelas e expulsões no Chelsea 

Durante a aventura em Inglaterra, Diego Costa marcou golos, conquistou títulos e somou polémicas. Num jogo frente ao Everton, depois de ter sofrido uma falta mordeu o pescoço do adversário. Acabou expulso. Antes desse momento, e numa altura em que tinha recebido um cartão amarelo, cuspiu na direcção dos pés do árbitro do encontro. 

 

4 - Picardias com defesas 

Outro momento marcante aconteceu durante um jogo frente ao Stoke City. Diego Costa decidiu provocar um defesa adversário a mexer na axila e nariz, insinuando que o jogador cheirava mal. 

 

5 - Problemas com treinadores 

A carreira de Diego Costa fica também marcada por polémicas com alguns treinadores. Como é o caso de José Mourinho, com quem trabalhou no Chelsea. Num jogo frente ao Tottenham, o avançado não gostou de estar a aquecer e não entrar em jogo. Quando regressou ao banco, atirou o colete na direcção do treinador. Em Inglaterra desentendeu-se ainda com Antonio Conte, motivo pelo qual abandonou o Chelsea, regressando ao Atlético de Madrid.  

 

6 - Muitos cartões 

Não deixa de ser curioso o número de cartões amarelos que Diego Costa acumulou ao longo da carreira. Ao todo são 136. Número que ganha destaque por estarmos a falar de um avançado. Expulso em 5 ocasiões com vermelhos directos, conta ainda com 6 duplos amarelos.

halle berry junta-se à lista de estrelas da netflix

A Netflix continua a somar nomes à sua já extensa lista de grandes actores que podem ser encontrados no catálogo do serviço de streaming. Depois de ter sido anunciado o nome de Mark Wahlberg, é a vez de ser anunciada Halle Berry. Os dois nomes fortes de Hollywood são as grandes estrelas de Our Man from New Jersey.  

Até ao momento não existem grandes detalhes sobre o projecto que será um filme de espionagem. Que está a ser descrito como um James Bond de colarinho azul. Sendo que esta expressão norte-americana é utilizada em referência à classe trabalhadora. Que têm por hábito realizar trabalhos manuais, como é o caso da construcção civil. Trabalhos que costumam ser executados por pessoas que utilizam fardas azuis. 

 

Filmagens arrancam no início de 2022 

 

No caso de Halle Berry, não deixa de ser curiosa a comparação com os filmes de James Bond. É que a actriz, de 54 anos, deu vida à bond girl Jinx Johnson em 007 – Morre Noutro Dia, filme de 2002. E na prática esta não será a estreia de Halle Berry na Netflix. Até ao final do ano deverá ficar disponível Bruised, que assinala a estreia da actriz enquanto realizadora. Por sua vez, Mark Wahlberg chegou à Netflix através de SpenserConfidential, filme que estreou em 2020. O actor será também produtor de Our Man from New Jersey que terá argumento de David Guggenheim, o criador de Sobrevivente Designado, série que também está disponível no catálogo do serviço de streaming. As filmagens devem arrancar em Londres no início de 2022. 

oneplus 9, o smartphone que quer conquistar os amantes da fotografia

OnePlus deu a conhecer aqueles que são os seus novos smartphones topo de gama. OnePlus 9 e a versão Pro são as grandes apostas da marca chinesa que parece estar empenhada em conquistar os fotógrafos profissionais. Até porque um dos focos de destaque é mesmo a câmara fotográfica. A fabricante revelou ainda que irá colocar no mercado um aparelho mais barato. Trata-se do OnePlus 9R que tem suporte 5G e que será, numa fase inicial, direccionado para o mercado indiano. 

  

É da parceria com a Hasselblad que nasce um dos grandes destaques do novo smartphone. O sensor principal é de 48 MP, mas tem 50 MP na lente ultrawide. Com a marca a salientar que recorre a lentes com uma redução de distorção até 1%. Ou seja, poderás captar imagens macro até 7 mm com a mesma qualidade quando recorres ao zoom. O OnePlus 9 passa a contar com o famoso botão laranja da Hasselblad. Que tem a finalidade de tirar fotos na app da câmara. Está também confirmado o sensor da Sony IMX 789 na construcção das câmaras. 

 

OnePlus 9 conta com modo Pro da Hasselblad 

 

Ainda no que à câmara diz respeito, poderás tirar partido do modo Pro da Hasselblad. Este permite um maior controlo sobre a exposição, calibração de brancos e de outros parâmetros da câmara fotográfica. Agora, vamos aos vídeos. Que a marca garante serem de elevada qualidade. O smartphone grava a 8K, a 30 FPS e também a 4K a 120 FPS. Ideal para quem pretende gravar em câmara lenta com uma qualidade elevada e com muitos detalhes. É ideal para criar hyperlapses e cenas nocturnas. Bem como quando necessitas de gravar algo com pouca iluminação. 

 

Preços têm início nos 699 euros 

 

OnePlus quis ainda apostar em materiais de qualidade e cores vibrantes. A marca realça o conforto com que irás pegar no smartphone. A versão Pro da fabricante chinesa chega ao mercado disponível em três cores: Morning Mist, Pine Green e Stellar Black. Sendo que o último é à prova de impressões digitais na parte traseira. Por sua vez, o modelo standard está disponível em Winter Mist, Astro Black e Artic Sky. E ainda há mais para descobrir. 

 

A versão Pro tem um ecrã OLED curvo, sendo que o modelo standard conta com linhas rectas. A Pro conta ainda com ecrã com tecnologia Fluid Display 2.0 que garante maior fluidez e uma poupança até 50% no consumo. Conta ainda com ajuste dinâmico até 120 Hz. Já o sistema Hyper Touch oferece uma melhor performance no momento de jogar videojogos. Por sua vez, o processador é um Snapdragon 888. Conta com Bluetooth 5.2 e Wi-Fi 6, sem esquecer o 5G. Em 43 minutos fica carregada a totalidade da bateria de 4500 mAh em formato wireless. Por fim, só falta mesmo falar dos preços. Que têm início nos 699 euros e 899 euros, para as versões standard e Pro, respetivamente.