15.10.19

queres perder peso? o segredo está aqui

Coloco as dietas no mesmo patamar do exercício físico. Ou seja, muitas pessoas gostariam de ter um corpo tonificado sem ter de treinar uma única vez. Tal como muitas pessoas gostariam de perder peso sem ter de mudar nada nas suas vidas. Estes eram os planos ideais para muita gente. Só que as coisas não são bem assim. Nem para um... nem para o outro.

Mas as comparações não se ficam por aqui. Voltando ao deporto, existem pessoas que se deparam com a notícia de que determinado exercício é bom para isto ou aquilo. Então toca de fazer esse exercício até à exaustão. O mesmo se aplica a determinado alimento. Se ajuda a perder peso, só vamos comer disso. O que é um erro. Em ambos os casos.

E ainda vou à terceira comparação. “Com este plano de treinos fica com o corpo xpto em duas semanas”. E todos acreditam nisto. “Com esta dieta irá perder x quilos em duas semanas”. E todos acreditam nisto. Fazendo um balanço do que escrevi até agora, não pretendo criticar quem vende estas ideias nem quem acredita nelas. Aquilo que defendo é que o percurso de trabalhar um corpo e/ou perder peso precisa de algo que não está no prato que levamos para a mesa nem no plano de treinos que temos no telemóvel.

Estou a falar da motivação. Sem a motivação (que tem de ser sobretudo pessoal) existe uma grande probabilidade de nos perdermos no caminho. Por exemplo, no caso do treino, vamos sempre ouvir pessoas que acham que é um disparate ir ao ginásio quando se pode estar no café a beber uns copos. Ou a fazer outra coisa qualquer. E na alimentação, vamos sempre ouvir pessoas que acham que devemos comer tudo o que querem e quando querem. Isto irá acontecer, por exemplo, em almoços e jantares de amigos. Momentos em que existe sempre alguém que acha que devemos comer tudo aquilo que estamos a ignorar naquele momento.

Se não existir motivação, rapidamente deixamos de ir treinar. Arranjamos desculpa uma vez. E outra. E mais outra. Com os excessos alimentares (ou uma alimentação pouco saudável) será só uma vez. Tal como na seguinte. E na outra que vem depois. Até que damos por nós a cometer os mesmos erros de sempre. Por isso, antes dos milagres que resolvem tudo, encontra motivação para aquilo que queres para ti.

E se não acreditas em mim, podes sempre ouvir as palavras de Germán Gusmán, que é o director médico da marca PronoKal. “A motivação pode ser entendida como o impulso interno que nos direcciona e nos leva a agir de determinada forma, permitindo-nos atingir os nossos objectivos”, fez saber a marca através de um comunicado.

Sem comentários:

Publicar um comentário