22.1.20

quando és tão bom, mas tão bom que tem de existir uma nuvem negra na tua vida

Zinedine Zidane fica para a história como um dos melhores jogadores de futebol de todos os tempos. E basta olhar para o seu palmarés. Foi campeão mundial, campeão europeu e ganhou a Liga dos Campeões. Isto só para dar alguns exemplos dos troféus que constam no palmarés daquele que foi eleito o melhor jogador do mundo em três ocasiões.

E se foi um extraordinário jogador, o francês pode orgulhar-se de ser um treinador com um vasto currículo num curto espaço de tempo. Já foi campeão espanhol e já ganhou três Ligas dos Campeões. Sem esquecer os dois Mundiais de Clubes. Zinedine Zidane é tão bom, mas tão bom que tem de ter uma nuvem negra a ensombrar o percurso. Que neste caso é a... Taça de Espanha.

Não deixa de ser curioso que o jogador e treinador que praticamente tudo ganhou, não tenha conseguido levantar a Taça de Espanha. Quer seja como jogador ou treinador. Quando jogava no Real Madrid, Zidane participou em quatro edições da Taça de Espanha. E o melhor que conseguiu foi perder duas finais: 2002 (Deportivo) e 2004 (Zaragoza).

Já no banco dos merengues, participou em apenas duas edições. Pois nas outras duas pegou na equipa já eliminada da taça. Naquelas que disputou foi sempre eliminado nos quartos-de-final. Frente ao Celta, em 2017, e contra o Leganés, em 2018. Hoje (22), o treinador francês tem o primeiro jogo para tentar conquistar aquilo que lhe falta ganhar.

Sem comentários:

Publicar um comentário