27.1.20

lolo jones, a virgindade que nunca deveria ter sido anunciada e o problema da falta de sexo

Vamos recuar até 2012. Neste ano, Lolo Jones anunciava ao mundo que era virgem. Agora, e mantendo-se virgem, a atleta olímpica norte-americana, de 37 anos, assume que foi uma má decisão. A velocista, e atleta de bobsleigh, revelou ao actor Kevin Heart, durante o programa Cold as Balls, que foi algo que acabou com a sua vida amorosa.

“Foi um erro”, começa por dizer. “'Matou' os meus encontros amorosos. Sem hipótese. Antes ia 'pé ante pé' e pensava 'será uma boa altura para lhe contar? Espero até ele conhecer melhor a minha personalidade? Ou largo já a bomba?'”, acrescenta. A desportista vai ainda mais longe e não tem problemas em comparar a luta para manter a virgindade com outros desafios que enfrentou ao longo da vida.

“Percebam que tem sido uma viagem difícil. Manter-me virgem até ao casamento é a coisa mais difícil que já fiz na minha vida, mais difícil do que treinar para uns Jogos Olímpicos ou formar-me na universidade”, desabafa. Lolo Jones já participou em três edições dos Jogos Olímpicos: Pequim (2008), Londres (2012) e Jogos Olímpicos de Inverno de 2014 (Sochi).

E numa altura em que está a treinar para os Jogos Olímpicos que vão decorrer este ano, em Tóquio, Lolo Jones argumenta que está num patamar de desigualdade com as adversárias. E mais uma vez, o tema é o sexo. “Ter relações sexuais ajuda as atletas. Eu corro em desvantagem”, termina.






Sem comentários:

Publicar um comentário