10.4.21

tina turner assinala final da carreira aos 81 anos com um documentário

Chegou a altura de colocar um ponto final numa carreira brilhante que teve início, de forma oficial, em 1957. Aos 81 anos, Tina Turner irá despedir-se dos fãs com um documentário que irá ficar disponível no catálogo da HBO ainda durante o mês de Março. A estreia está prevista para dia 27 e o trabalho será centrado na vida longe dos palcos mediáticos.  

O documentário, que tem o nome Tina, conta com realização de Dan Lindsay e T.J. Martin. Como é possível observar no trailer oficial, já disponibilizado pela HBO, o formato contará com declarações da cantora. Tina Turner revela que lida com stress pós-traumático desde a altura em que foi vítima de violência doméstica. Algo que aconteceu durante o casamento com o músico Ike Turner. Revela ainda que os últimos anos foram passados a combater graves problemas de saúde. Como é o caso de um Acidente Vascular Cerebral, um cancro e ainda insuficiência renal. Situação que levou a que Tina Turner realizasse um transplante em 2017. 

 

“Tive uma vida abusiva, não há outra maneira de contar a história” 

 

“Tive uma vida abusiva, não há outra maneira de contar a história. É a realidade. É a verdade. É o que tens, então tens de o aceitar”, diz. Parte da história de Tina Turner já foi contada na autobiografia I, Tina e também no filme autobiográfico What’s Love Got To Do With It?. Chega assim ao fim uma carreira cheia de momentos brilhantes. Como a altura em que entrou para o Guiness, em 1988. Na altura, Tina Turner conseguiu encher o Maracanã, no Brasil, com 182 mil pessoas. Tratou-se de algo nunca feito por uma cantora a solo até à data. 

Sem comentários:

Publicar um comentário