18.4.21

6 polémicas que marcam a carreira de diego costa, avançado que pode estar de volta ao futebol português

Diego Costa é rapidamente associado a clubes como Chelsea e Atlético de Madrid. O que faz com que muitos não se recordem de que a entrada do avançado hispano-brasileiro na Europa foi feita através de Portugal. Estávamos no início de 2006 quando o então jovem avançado trocava o Barcelona Esporte Clube, do Rio de Janeiro, pelo Braga. Que emprestou o jogador ao Penafiel antes de o vender, em Janeiro de 2007, ao Atlético de Madrid por uma verba de 1,5 milhões de euros. 

 

Por cá, Diego Costa participou em 7 jogos da primeira divisão. Foram 411 minutos com a camisola dos arsenalistas, tendo feito uma assistência. Em Penafiel as coisas foram diferentes. Foram 13 jogos e 5 golos no segundo escalão do futebol português. A título de curiosidade, Diego Costa foi admoestado com o cartão amarelo em 9 ocasiões no Penafiel e 2 no Braga.  

 

Diego Costa chegou ao Braga em 2006 

 

Agora, aos 32 anos, o internacional espanhol pode estar de volta a Portugal. Com a imprensa internacional a garantir a existência de um pré-acordo com o Benfica. Numa altura em que os adeptos encarnados temem uma nova novela Cavani, recordo aquelas que são as maiores polémicas da carreira de Diego Costa. Até porque o temível avançado é também reconhecido pelo feitio especial. 

 

1 - Duelos com Sergio Ramos... 

Os anos passados em Espanha ficaram marcados pelos confrontos entre Diego Costa e Sergio Ramos nos escaldantes jogos entre Atlético de Madrid e Real Madrid. Em 2012/13 o avançado tentou morder o dedo do defesa. Num outro lance, cuspiu na própria luva e atirou ao adversário. 

 

2 - … e com Pepe e Arbeloa 

Volto a falar do dérbi de Madrid. É que Pepe (que poderá reencontrar em Portugal) e Arbeloa também protagonizaram momentos quentes com Diego Costa. Ainda assim, aqui, o avançado é a “vítima”. Pepe assoou-se na direcção do avançado e Arbeloa deu um pisão no adversário.  

 

3 - Cuspidelas e expulsões no Chelsea 

Durante a aventura em Inglaterra, Diego Costa marcou golos, conquistou títulos e somou polémicas. Num jogo frente ao Everton, depois de ter sofrido uma falta mordeu o pescoço do adversário. Acabou expulso. Antes desse momento, e numa altura em que tinha recebido um cartão amarelo, cuspiu na direcção dos pés do árbitro do encontro. 

 

4 - Picardias com defesas 

Outro momento marcante aconteceu durante um jogo frente ao Stoke City. Diego Costa decidiu provocar um defesa adversário a mexer na axila e nariz, insinuando que o jogador cheirava mal. 

 

5 - Problemas com treinadores 

A carreira de Diego Costa fica também marcada por polémicas com alguns treinadores. Como é o caso de José Mourinho, com quem trabalhou no Chelsea. Num jogo frente ao Tottenham, o avançado não gostou de estar a aquecer e não entrar em jogo. Quando regressou ao banco, atirou o colete na direcção do treinador. Em Inglaterra desentendeu-se ainda com Antonio Conte, motivo pelo qual abandonou o Chelsea, regressando ao Atlético de Madrid.  

 

6 - Muitos cartões 

Não deixa de ser curioso o número de cartões amarelos que Diego Costa acumulou ao longo da carreira. Ao todo são 136. Número que ganha destaque por estarmos a falar de um avançado. Expulso em 5 ocasiões com vermelhos directos, conta ainda com 6 duplos amarelos.

Sem comentários:

Publicar um comentário