13.2.21

keira knightley não volta a filmar cenas de nudez dirigidas por homens

A decisão está tomada. Keira Knightley não voltará a gravar cenas de nudez que sejam dirigidas por homens. A actriz britânica, de 35 anos, tomou essa decisão e não tem problemas em explicar os motivos. “Podem procurar outra pessoa, que sou demasiado vaidosa e este corpo já teve duas crianças. Por isso prefiro não estar nua em frente a um grupo de homens”, explica. 

Apesar de jovem, Keira Knightley conta já com uma grande carreira em Hollywood. Do seu percurso fazem parte grandes filmes bem como algumas cenas de nudez. Que não se voltarão a repetir, pelo menos com homens ao comando. Caso a realização esteja a cargo de uma mulher, a atriz promete analisar o pedido. “Se estivesse a fazer uma história sobre a maternidade, sobre a aceitação do corpo, lamento, mas sinto que só poderia ser com uma mulher a realizar”, diz. 

 

“Prefiro não estar nua em frente a um grupo de homens” 

 

Estes desabafos foram feitos em conversa com a realizadora Lulu Wang e a argumentista Diane Solway no podcast Chanel Connects. “Agora já me sinto muito desconfortável em representar a visão masculina”, disse. Revelando ainda o seu humor. “Sim, percebo em como o sexo seria muito bom neste filme e que basicamente só precisas de alguém que pareça sexy.” A actriz refere ainda que é uma situação que vem do passado. “Nós sentimos muita empatia pelos homens porque, culturalmente, a sua experiência tem sido explorada. Sabemos tantos aspectos da sexualidade masculina. Mas não sentimos que eles possam dizer o mesmo porque viram um filme ou uma peça ou uma série do nosso ponto de vista”, conclui. 

 

O trabalho mais recente de Keira Knighley é a comédia Silent Night, realizada por Camille Griffin. O filme encontra-se em pós-produção e ainda não tem data de estreia. Em 2020 filmou ainda Mulheres ao Poder. 

Sem comentários:

Publicar um comentário