9.2.21

bruno fernandes obriga ídolo do manchester united a pedir desculpas

É necessário recuar até à época 2012/13 para encontrar o último título de campeão inglês conquistado pelo Manchester United. Desde então que os diabos vermelhos têm andado à deriva sendo que, nos anos mais recentes, nem sequer se intrometeram na luta pela conquista da Premier League. Esta época tudo está a ser diferente, com a equipa em que joga Bruno Fernandes a andar nos lugares cimeiros da tabela e a ser considerada uma candidata à conquista.  

De acordo com vários relatos, existe algo que está a fazer toda a diferença na equipa inglesa. E o destaque vai por inteiro para Bruno Fernandes. Desde ex-jogadores a comentadores, passando pela crítica em geral, todos são unânimes em referir que o médio português é o responsável pelo renascimento do Manchester United. Prova disso são os 13 golos e 10 assistência que Bruno Fernandes, de 26 anos, conseguiu esta 

época na Premier League. 

 

Berbatov não acreditava que Bruno Fernandes conseguisse mudar o United 

 

As exibições (e preponderância) do camisola 18 levaram a que Berbatov viesse a público pedir desculpas a Bruno Fernandes. Isto porque o ex-jogador búlgaro, que é uma das antigas glórias do United, não acreditava que um só jogador pudesse fazer a diferença. “Era um daqueles que dizia que um jogador numa nova equipa não consegue mudar a equipa inteira”, disse ao Football Digest Extra Time. 

 

“Ele faz assistências, marca golos e faz tudo o que pode” 

 

“Mas penso que estava errado com este porque desde a sua chegada, com as suas exibições individuais, melhorou a performance da equipa à sua volta”, acrescenta. “Ele faz assistências, marca golos e faz tudo o que pode”, conclui Berbatov. Por sua vez, Solskjaer não quer dar destaque a um jogador, preferindo que a pressão recaia toda no treinador. 

  

“Provei que posso ajudar o clube a seguir em frente”, refere o treinador. “Pessoalmente, sinto uma liderança muito forte no clube”, salienta. “Sempre tivemos uma visão a longo termo. Em alguns casos a consistência e paciência é recompensada”, termina o treinador do Manchester United. 

Sem comentários:

Publicar um comentário