26.11.20

58% dos trabalhadores confessa ter feito sexo durante o teletrabalho

Há largos meses que o confinamento e teletrabalho são uma realidade para muitos portugueses. E também para milhões de pessoas espalhadas pela Europa. Ainda que não exista um estudo semelhante realizado em território nacional, do Reino Unido chega um trabalho que mostra a forma como os britânicos têm passado o tempo fechados em casa.  

De acordo com um estudo, realizado pela OnePoll, 58% dos trabalhadores assume ter relações sexuais durante o horário de trabalho, ou neste caso, teletrabalho. Deste trabalho fizeram parte 1000 baby boomers (pessoas nascidas entre 1946 e 1964) e outros tantos millennials (nascidos entre 1980 e 1996). Os resultados mostram que os millennials fazem o dobro do sexo em comparação com os baby boomers. 

 

Millennials estão mais atrevidos do que nunca 

 

Aliás, a geração mais nova está mesmo mais atrevida do que nunca. 68% destes assume ter experimentado novas posições sexuais. Ao mesmo tempo que apimentaram a intimidade desde o início da pandemia de coronavírus. 52% revela ter finalmente revelado o fetish à companheira. Sendo que destes, 45% colocaram-no em prática. E os dados não se ficam por aqui. 43% dos millennials revela ter usado um brinquedo sexual e 37% diz ter levado comida para a cama, que é usada em jogos sexuais. 

Sem comentários:

Publicar um comentário