8.6.20

quando bonecas sexuais ocupam os lugares vazios num estádio

A crise motivada pelo coronavírus levou à suspensão de praticamente todos os campeonatos de futebol mundiais. Agora, numa altura de desconfinamento, o desporto está de volta, ainda que com uma nova realidade. Que passa por ter as bancadas despidas de público. Esta situação tem levado alguns clubes a inovar para colocar público nas bancadas e a opção do FC Seoul deu origem a uma polémica.

Existem modalidades que estão a pensar apostar nos efeitos especiais para simular estádios cheios para as transmissões televisivas dos jogos. Já o FC Seoul, uma equipa sul-coreana, apostou em bonecas insufláveis. Só que os artigos sexuais não foram bem recebidos por que os viu no estádio. Esta situação levou mesmo o clube a vir a público pedir desculpa pelo sucedido.


De acordo com o FC Seoul, tudo não passou de um "mal-entendido" com o fornecedor das "manequins" que estavam espalhadas pela bancada do jogo contra o Gwanju FC, em mais uma partida da K-League. "A nossa intenção era fazer algo alegre nestes tempos difíceis. Vamos pensar seriamente sobre o que precisamos de fazer para garantir que isto nunca se repita", pode ler-se na conta de Instagram do clube.

Quanto ao jogo, o FC Seoul ganhou 1-0, somando assim a primeira vitória no campeonato. À passagem da segunda jornada, o clube que foi campeão pela última vez em 2016, segue em sexto lugar na classificação. A título de curiosidade, o português Manuel Rodrigues é treinador adjunto do FC Seoul.

Sem comentários:

Publicar um comentário