24.5.20

quem é o melhor: michael jordan ou lebron james? dennis rodman responde

Graças ao documentário The Last Dance, todos estão a falar da NBA, dos Chicago Bulls e de Michael Jordan. A série de 10 episódios, disponível na Netflix, tem dado a conhecer os bastidores da época 1997-98 dos Chicago Bulls, então liderados por Michael Jordan. Aquele que é já visto como um dos melhores documentários de todos os tempos tem ainda dado a conhecer o antigo basquetebolista ao pormenor.

Além disso, tem vindo a gerar muitas discussões. Como aquela que pretende encontrar o melhor basquetebolista de todos os tempos. Alguns defendem ser Michael Jordan. Outros preferem LeBron James, actual jogador dos Los Angeles Lakers. Desafiado a dar a sua opinião, Dennis Rodman não tem dúvidas. O antigo colega de equipa de Michael Jordan escolhe a eterna estrela dos Chicago Bulls como o melhor de todos os tempos.

A revelação foi feita durante Hotboxin’ With Mike Tyson, o podcast do antigo pugilista. Rodman, um dos jogadores mais controversos dos anos 90, defende mesmo que LeBron James nunca será tão bom como Michael Jordan. Desta avaliação faz parte o jogo jogado bem como a motivação. Rodman refere ainda que para LeBron James aquilo que importa é o anel de campeão no dedo, não se preocupando com os outros.

Já com Michael Jordan, tudo era diferente. Esta é a opinião de Dennis Rodman. "Não estava preocupado com o dinheiro", diz. Aquilo que Jordan queria era mesmo "pegar fogo" no basquetebol. Sendo que queria fazer isso sem arranjar problemas a ninguém. Estes são os motivos pelos quais Rodman considera que Michael Jordan é muito melhor do que LeBron James. E Rodman não se fica por aqui.

Na opinião de Dennis Rodman, até Scottie Pippen é melhor jogador do que LeBron James. Esta opinião foi partilhada durante uma entrevista à ESPN. "Scottie conseguia tudo, ele marcava pontos, ele defendia, ele ganhava ressaltos", diz. "Se LeBron jogasse nos anos 90, diria que Scottie Pippen era o segundo melhor jogador, atrás de Michael Jordan", explica. "Naquela altura, as pessoas diziam que Larry Bird era um jogador de excelência. Ele era bom, mas não conseguia jogar em diversas posições como o Scottie. Não era tão ágil. Acho que as pessoas não percebem o que Scottie estava a fazer em 1991. Ele revolucionou a posição de extremo. Os jogadores de hoje deveriam agradecer-lhe", termina.

Este modo de pensar de Dennis Rodman ganha força com as palavras de Michael Jordan no documentário do momento. "Eu queria ganhar", assume. "Mas queria que eles também ganhassem e fizessem parte de tudo", acrescenta.

Sem comentários:

Publicar um comentário