18.5.20

chamam-lhe netflix do porno e chega com vídeos de famosos e aulas de sexo

O confinamento veio dar maior destaque aos conteúdos para adultos. O que por sua vez tem levado ao aparecimento de novos serviços. Desta vez é o canal brasileiro SexPrivé a criar um conteúdo que está a ser apelidado de Netflix da pornografia. Trata-se do SexPrivé Club, um serviço de streaming, com um funcionamento em tudo igual à Netflix, com a diferença de que disponibiliza apenas conteúdos para adultos.

Além de filmes recentes, a plataforma disponibiliza ainda projectos mais antigos da pornografia brasileira. Como é o caso de produções que têm Vivi Fernandez, Mateus Carrieri e Alexandre Frota nos papéis principais. E que remontam aos anos 2000. O SexPrivé Club tem uma mensalidade inferior a dois euros.

Uma das apostas do canal passa pelo inédito Unisex, Universidade do Sexo. Neste programa, actrizes e actores partilham dicas para que as pessoas tenham uma melhor vida sexual. Cada episódio tem a duração de 30 minutos, com os actores a mostrarem tudo ao pormenor. Isto enquanto uma “professora” narra a acção. Na primeira aula é ensinado a deixar uma mulher (e um homem) louca com a boca. Estes conteúdos foram gravados antes da pandemia de coronavírus. E é esta que faz com que um serviço pensado previamente – sexo ao vivo – tenha sido adiado.

Sem comentários:

Publicar um comentário