14.3.20

aposto que não te lembras que este carro ainda existe

O mercado automóvel tem mudanças que acabam por escapar ao olho comum. Modelos que passam a marca próprias, carros que desaparecem e marcas que quase são esquecidas. O que faz com que muitas coisas nos passem ao lado. Por exemplo, se te disser que já não são comercializados carros Lancia em Portugal, talvez te esteja a dar uma novidade.

A Fiat Chrysler Automobile (FCA), o grupo que detém a Lancia, não acabou com a marca. Ainda assim, aconteceu uma razia com praticamente todos os modelos. Delta, Voyager e Thema deixaram de ser fabricados. Escrevi praticamente porque só o mítico Ypsilon escapou à “fúria” comercial da FCA. Neste momento, acredito que estejas a visualizar o modelo.

O carro, que existe desde 1995, não foi retirado do mercado. Mas só é produzido para o mercado italiano. Algo que pode ser explicado com recurso a números. Foram vendidos 58 mil unidades em 2019, o que representa um aumento de 10 mil em relação ao ano anterior. Podes achar que o número até é baixo, mas nos dias que correm, acredito que ninguém se possa dar ao luxo de abdicar disto.




E porque estou a falar do Lancia Ypsilon? Além de ser um modelo que faz parte da minha memória, a FCA acredita que o carro pode ser ainda mais rentabilizado. Para isso criaram uma versão híbrida. Que chega ao mercado com motor a gasolina [1.0 com 3 cilindros e 70 cv de potência] que passa a contar com um pequeno motor elétrico com 3,6 kW (aproximadamente 4,9 cv), que se destaca mais pela força do que pela potência. Amigo do ambiente, tem ainda um preço atractivo, que tem início nos 10.900 euros. Só que só está disponível em Itália.

Sem comentários:

Publicar um comentário