24.3.20

5 coisas fundamentais para que o isolamento social não seja negativo

Não há volta a dar. Os tempos que vivemos fazem com que o isolamento social seja fundamental para travar a propagação do coronavírus. Por isso, estar fechados em casa é o melhor que podemos fazer nesta altura. Por outro lado, não é fácil lidar com isto. Não estamos habituados a estar confinados a um espaço limitado e isto é algo que tem os seus efeitos negativos. Como é o caso da ansiedade, tédio e incerteza.

Por isso, venho partilhar cinco dicas que são essenciais para que não sejas afectado, pelo menos de forma intensa, pelo lado negativo do isolamento social. As mesmas são da autoria de dois profissionais de saúde - Wimer Bottura e Luiz Scocca - que prestaram declarações ao site brasileiro Delas. A estas juntei um lado pessoal: o meu.

"As pessoas ficam mais ansiosas e stressadas, o que leva à libertação de cortisol e diminui o sistema imunológico. De repente, uma pessoa que nem estava no grupo de risco [da Covid-19] passa a estar", alerta Luiz Scocca, psiquiatra do Hospital das Clínicas da USP e membro da Associação Americana de Psiquiatria. Depois deste aviso, vamos às medidas.

1 - Escolhe o tempo para as notícias
A desinformação é má para a saúde. Por isso, começa por filtrar toda a "porcaria" que recebes nas redes sociais e que não é fidedigna. De resto, escolhe o tempo que dedicas às notícias. Por exemplo, faço parte dos que trabalham a partir de casa. Por norma, estou atento à actualização dos números. Depois, vejo dois telejornais (almoço e jantar). De resto, costumo estar a ouvir música.

2 - Dá importância a outros temas
Como estou fechado em casa com a minha mulher, muitas vezes estamos a falar de detalhes para a chegada da nossa filha. Além disso, faço parte de alguns grupos de Whastapp. É certo que também deixamos alertas sobre o coronavírus. Mas a parvoíce impera na maior parte do tempo. E deverás fazer o mesmo. Ou seja, dedicar-te a outros temas.

3 - Fazer outras actividades
Ler e ver séries ou filmes são dois exemplos. Se fores como eu, pratica desporto. Existem muitas aulas online gratuitas e estou disponível para ajudar neste ponto. Até podes treinar com o meu grupo se assim desejares. A tua saúde mental irá agradecer que te dediques a outras coisas.

4 - Os amigos
Lá porque estás em casa não tens de te afastar dos amigos. Aproveita para ligar aqueles com quem não falas há muito. E com outros que não vês desde o início do isolamento social. Aproveita a aplicação House Party e até podes fazer vídeo-chamadas para vários ao mesmo tempo.

5 - Meditação
Assumo que não é algo que costume fazer. Mas com isto irás relaxar e ligar-te a ti. No YouTube encontras diversas dicas.

NOTA: Se os efeitos negativos do isolamento social forem muito acentuados, procura ajuda profissional. Nesta altura, os profissionais de saúde estão a fazer consultas por vídeo-chamada e poderás ter uma consulta de forma segura.

Sem comentários:

Publicar um comentário