13.2.20

nem imaginas os riscos que podes correr quando entras numa piscina

Confesso que a natação numa foi o meu desporto preferido. Mas é de muitas pessoas. Tal como eu gosto de ir ao ginásio treinar, há quem prefira dar umas braçadas na piscina do ginásio, na piscina pública ou noutra qualquer. Aquilo que talvez as pessoas desconheçam é a quantidade de riscos que correm quando o fazem. Por um motivo que não estará nas suas mãos. Excepto quando a piscina é pessoal.

Indo já para o caso mais perigoso, podes mesmo correr risco de vida quando entras numa piscina. Quem deixa o alerta é o médico Asif Munaf. Que esteve à conversa com investigadores da Blue Cube, uma empresa que está inserida no negócio das piscinas. Os investigadores quiseram falar sobre germes e bactérias e o médico abriu o jogo.

Existe a possibilidade de já teres ficado com a pele e/ou os olhos irritados depois de teres estado numa piscina. A causa será o pH muito ácido, algo que resulta de uma má manutenção da piscina. E é aqui que está o problema. Uma manutenção deficiente poderá mesmo colocar a tua vida em perigo. Mas já lá vamos. Salmonela, E.coli e legionela são apenas alguns dos problemas que podes vir a ter. Tal como vómitos e diarreia. Sendo que tudo isto ganha uma dimensão maior em crianças, pessoas mais velhas ou nas mais vulneráveis. Isto sem esquecer as infecções fúngicas como o pé de atleta

O médico deixa o alerta para os casos extremos de gravidade. Ou seja, uma má manutenção pode levar mesmo a septicemia ou envenenamento do sangue. Algo que poderá ser mortal. Por isso, se costumas frequentar piscinas, fica a par das dicas dadas por Asif Munaf, para que corras menos riscos.

1 – Não engolir água;
2 – Toma duche antes e depois da natação;
3 – Lava as mãos com água e sabão depois de usares a casa-de-banho ou mudar uma fralda (caso vás com crianças pequenas) e antes de voltares a entrar na piscina;
4 – Se estiveres com crianças pequenas, retira-as da piscina frequentemente para que usem a casa de banho;
5 – Verifica as fraldas das crianças nos sítios correctos e não ali mesmo ao lado da piscina;
6 – Não vás nadar caso tenhas acabado de recuperar de diarreia;
7 – Mantém a cabeça fora de água o maior tempo possível;
8 – Usa uma toalha lavada para se sentar na sauna.

Sem comentários:

Publicar um comentário