15.7.19

quando a realidade imita a ficção (que já tinha imitado a realidade)

Foi em 2013 que estreou O Lobo de Wall Street. Foi sem dúvida um dos filmes do ano e, na minha modesta opinião, a prestação de Leonardo DiCaprio era digna do Óscar para Melhor Actor. Para quem não sabe que filme é este, o ator dá vida a Jordan Belfort, um corrector de bolsa norte-americano que foi condenado devido a fraude.

Ou seja, a ficção imitou a realidade e foi contada a história de Jordan Belfort. Agora, é a realidade que imita a ficção. Depois de o financiamento do filme ter estado sob suspeita, surge uma detenção. Riza Aziz, que foi produtor do filme, foi detido na Malásia. Está acusado de cinco crimes de lavagem de dinheiro.

A Comissão de Anti-Corrupção da Malásia alega que o produtor desviou 221 milhões de euros de um fundo mandado criar pelo ex-primeiro ministro Najib Razak. Riza Aziz alega estar inocente e chegou a tribunal com uma equipa de oito advogados. Para sair em liberdade teve de pagar uma caução de 214 mil euros. Se vier a ser condenado, incorre numa pena que pode chegar aos 25 anos de prisão. Esta é daquelas notícias que têm algo de irónico.

Sem comentários:

Publicar um comentário