26.1.19

a notícia que não queria ouvir

Durante mais de duas semanas fui acompanhando o caso do menino caído num furo de captação de água. Desde o início que percebi que o desfecho seria este, mas sempre acreditei no milagre que seria a notícia de que Julen estava vivo. Infelizmente, não estava e para trás ficam vários dias com profissionais a lutarem ao máximo e com muitos percalços pelo caminho.

Neste momento só consigo tentar pensar qual será o sentimento daqueles pais. Dois jovens que perdem dois filhos de forma trágica num curto espaço de tempo. Um ataque cardíaco fulminante na praia e uma queda num buraco. Nem sei o que pensar...

Sem comentários:

Publicar um comentário