7.11.17

lili caneças e os velhos

Por estes dias só se fala de Lili Caneças. Que protagoniza uma das quatro capas de edição da revista Cristina, de Cristina Ferreira, que vai hoje para as bancas. E muitas pessoas criticam a publicação por ter uma mulher "velha" na capa abraçada por um jovem modelo.

Quanto a isto, nada a apontar. Não me choca que uma mulher mais velha - especialmente Lili Caneças - seja fotografada junto de um jovem modelo. Quem conhece Lili facilmente percebe que se há coisa de que não se importa é de arriscar.

E também não olho para esta capa como um ataque aos velhos deste País. Isso dava pano para mangas mas não cabe a foto em questão. Aquilo que aqui deve ser discutido é o enquadramento técnico da fotografia. E isto não envolve idades.

Qualquer figura pública (ou não) que é fotografada quer aparecer no seu melhor. E não me refiro à edição em photoshop. Refiro-me a pose e luz, detalhes que fazem toda a diferença numa imagem. E neste caso fica a ideia de que existiu uma vontade de contrastar ainda mais a diferença de idades. Parece que existe a vontade de fazer Lili parecer ainda mais velha. E isto era desnecessário. Se for por desleixo ainda é mais grave.

De resto, pouco há para discutir. E até me causa alguma confusão que se debata mais esta foto do que uma chamada de capa, da mesma publicação, em que se pode ler isto: "ser ou não ser racista".

Sem comentários:

Publicar um comentário