23.11.16

a pior pergunta que as mulheres podem fazer aos homens

Existe uma pergunta que pode ser considerada a pior pergunta que uma mulher pode fazer a um homem. Talvez a pior seja um exagero. Mas é claramente uma pergunta que muitos homens temem e que certamente já esteve na origem de muitas discussões entre casais. E nesta parte depende da relação existente e das personalidades de ambos.

A pergunta é muito simples. E aparentemente sem maldade. “Notas algo de diferente em mim?”, é aquilo que elas podem perguntar e que eles podem temer. E muito. Assim que um homem ouve esta pergunta são accionados diversos alarmes internos. Neste momento o homem lembra-se de coisa como: as pontas dos cabelos, a cor do verniz que ela está a suar, roupa nova, menos peso, um acessório novo e por aí fora. Tudo isto dá sinal de alarme no momento da pergunta.

O passo seguinte, para eles, é tentar eliminar o maior número de hipóteses no menor espaço de tempo. Isto enquanto pensa se a pergunta terá alguma rasteira. Até que se depara com uma resposta isolada. Que por mais certa que pareça acaba por estar sempre cheia de dúvidas e receios. “O penteado está diferente?”, pergunta muito a medo. Se a resposta estiver certa, respira de alívio. Mas existe a hipótese de estar errado.

Pior do que falhar é, para muitas mulheres, dizer “não noto nada diferente”. Isto é, em alguns casos, meio caminho andado para uma discussão sobre quem mais repara em quem. Ou quem nunca repara em nada de novo. E por aí fora. Muitas vezes o que começa como uma brincadeira – a tal pergunta – acaba por se transformar numa discussão séria e sem qualquer razão de ser. Porque existem detalhes que podem escapar a ambos.

Como referi no início do texto, a forma como se lida com esta questão depende das pessoas e das personalidades. Num rápido exercício de memória acho que nunca tive qualquer zanga/discussão, por mais pequena que seja, por causa de uma pergunta destas. Mas tenho a certeza de que esta questão já provocou muitas zangas entre casais.

Sem comentários:

Publicar um comentário