27.9.16

o melhor creme hidratante do mercado custa... 2,99 euros

Não se trata de nada de novo. Não é a primeira vez que diversos produtos são testados com resultados que mostram que nem sempre caro é sinónimo de qualidade. Aliás, na verdade o caro raramente é sinal de que estamos perante um produto de qualidade superior. Pelo menos uma qualidade que justifique a disparidade de preços.

Resumindo e indo directo ao assunto, um creme de 2,99 euros – comercializado no Lidl – foi aquele que teve melhor nota entre 17 cremes hidratantes testados por uma associação de defesa dos consumidores espanhola. Ficou também evidente que exista uma diferença de preço abismal entre produtos basicamente iguais. O creme com melhor nota é o mai barato sendo que o mais caro, com um custo superior a 200 euros, foi dos que teve pior nota. Recorde-se que trata-se de uma prova cega. Ou seja, as pessoas não sabem qual a marca que estão a testar. Recordo ainda que a Deco Proteste já tinha feito um teste semelhante em 2014 e na altura foi também um creme do Lidl (cerca de 25 vezes mais barato do que o produto mais caro a teste) que se destacou.

Estes testes ajudam a comprovar que a ideia do “se é caro é melhor” é uma ideia absurda. Tal como achar que os produtos de marca branca (marca própria) não têm qualidade. No que aos cremes diz respeito, existem pessoas que chegam a ter medo dos produtos do Lidl ou de outra superfície comercial qualquer. Aposto até que existem pessoas que duvidam destes testes e que acham que tudo é combinado.

Neste caso específico fico contente com o resultado porque o creme hidratante de rosto que uso é da Cien, do Lidl. O tal que ficou em primeiro lugar e que custa uma ninharia quando comparado com outros. Já usei cremes mais caros e não minto se disser que este – que já uso há algum tempo – é daqueles com que me dei melhor e de que mais gosto. E posso dar mais um exemplo. Tenho por hábito fazer compras em Espanha, no Mercadona. De tempos a tempos vou lá e abasteço-me com diversos produtos. E os cremes de lá, que são muito baratos, são igualmente dos melhores que tenho. Destaco o creme de pés e o de corpo. Este é apenas mais um exemplo de que a qualidade não se mede em euros.

Sem comentários:

Publicar um comentário