19.4.16

imagem. competição a quanto obrigas

Numa conversa com um amigo foi abordado o tema dos crescentes cuidados que as pessoas, homens e mulheres, têm com a imagem. E por imagem entenda-se uma alimentação saudável, a prática regular de exercício físico e também os cuidados com o corpo que passam por cremes, etc. Em tempos isto, ou pelo menos a essência da preocupação com a imagem, era apenas aplicado às mulheres. Eram elas que quase tinham a obrigação de ter uma imagem perfeita quando aos homens todo e qualquer desleixo era aceitável e facilmente compreendido.

Neste momento as preocupações já não são só delas. São também deles. E ainda bem que assim é. O cuidado com a imagem, não no sentido fútil da palavra, é algo que só faz bem. Ter cuidado com a alimentação, praticar desporto e cuidar do corpo é algo que tem um efeito que vai muito além daquilo que os olhos de outra pessoa eventualmente observam. Os maiores efeitos do cuidado acabam por ser sentidos pela pessoa que os tem. E isso será sempre o mais importante.

Mas se em tempos os cuidados eram praticamente associados apenas às mulheres, agora existem outras ideias. Por exemplo, quem se cuida facilmente leva com o rótulo de fútil e de pessoa vazia que apenas se preocupa com a imagem. Isto é aos olhos de quem vê. Pois existe outro problema que é mais grave e praticado por muitas pessoas. Existem pessoas que não se preocupam apenas em estar bem. Por exemplo, se a pessoa está na casa dos trinta começa a querer competir e ser/estar melhor do que uma pessoa que está na casa dos vinte.

E isto acontece sobretudo com as pessoas mais velhas em relação às mais novas. Não sei se é o medo do passar dos anos (mesmo estando apenas no trinta e qual ou nos quarenta e tal) ou se é a necessidade de querer provar que se consegue estar à altura de uma pessoa mais jovem nos mais diferentes aspectos, especialmente na imagem. E se percebo e enalteço a preocupação com a imagem fico sem perceber esta vontade quase cega de competir com outras pessoas neste domínio.

Sem comentários:

Publicar um comentário